SEGUNDA-FEIRA
23 de Outubro de 2017 | 21:54

PortoCartoon entregou prémios na sexta-feira

Publicado a 22/06/2017 NOTÍCIAS

Na abertura da XIX edição do certame, os galardões foram entregues na sede do Museu Nacional da Imprensa. Mostra estará patente até 29 de dezembro.


Foram entregues, na sede do Museu Nacional da Imprensa, os prémios relativos à XIX edição do PortoCartoon World Festival 2017, durante a cerimónia de abertura oficial do certame, ficando a exposição na Galeria Internacional do Cartoon do referido museu até 29 de dezembro. Os troféus foram desenhados por Siza Vieira.

O evento conta com perto de mil desenhos e, segundo a organização, houve "centenas de cartoonistas a refletirem sobre a (in)sustentabilidade do Turismo atual. O tema, baseado na caracterização emblemática da ONU para 2017, ativa a crítica sobre grandes temas internacionais, como tem acontecido desde a primeira edição do PortoCartoon, em 1999".

A edição deste ano do Festival de desenho humorístico "apresenta um elevado número de trabalhos, entre premiados, selecionados e mostras paralelas, fazendo do PortoCartoon uma das maiores mostras mundiais de humor. O tema principal – O Turismo – vem, novamente, frisar a preocupação do festival relativamente às grandes temáticas da atualidade. No ano em que a cidade do Porto foi eleita Melhor Destino Europeu de 2017, este tema não podia fazer mais sentido", indica a organização.

Entre outras iniciativas, o certame tem "diversas exposições, a Festa da Caricatura, o descerramento de uma escultura alusiva ao Grande Prémio e a Rua do PortoCartoon" com a intenção de reforçar a imagem do Porto como 'Capital do Cartoon' (proclamação de 2008)".

O belga Luc Vernimmen, "vencedor do Grande Prémio do XIX PortoCartoon-World Festival, marcará presença em todo o programa do festival, organizado pelo Museu Nacional da Imprensa". Jitet Kustana (Indonésia) foi distinguido com o segundo prémio, e a Angel Boligan (México) foi concedido o terceiro prémio. Além disso, perante o elevado nível dos trabalhos apresentados - cerca de 1.500 obras de mais de quatro centenas de autores vindos de 62 países -, o júri internacional decidiu conceder 25 menções honrosas.

A organização recorda que "o júri teve como Presidente Honorário Georges Wolinski - cartunista do Charlie Hebdo assassinado em 2015, em Paris, e que durante uma década tinha sido presidente do júri". Este ano o júri contou com "Bernard Bouton (presidente da FECO), Inês Moreira (Faculdade de Belas Artes do Porto), Luiz Humberto Marcos (diretor do Museu Nacional da Imprensa), Roberto Merino (encenador chileno) e Xaquín Marín (fundador do Museo de Humor de Fene, Espanha)".

Este ano há também dois prémios especiais de caricatura "centrados em duas grandes figuras de relevo mundial: Pablo Picasso (1881-1973), em evocação da famosa Guernica (80 anos), e António Guterres". Nestes casos, "os vencedores foram respetivamente, Dalcio Machado (Brasil) e António Santos – Santiagu (Portugal)".

Relembra a organização que "esta secção do Festival teve início em 2013 com Manoel de Oliveira e José Saramago. No ano seguinte, Nelson Mandela e Siza Vieira foram os escolhidos para a secção de caricatura"; em 2015, os nomes escolhidos foram Ernest Hemingway e Cristiano Ronaldo e, no ano passado, "foi a vez de Charlie Chaplin e Sara Sampaio".

No sábado e no domingo, entre as 15h00 e as 18h00, com a estação de São Bento como cenário e entrada gratuita, vai realizar-se a Festa do Cartoon.

Em anexo podem ser vistos alguns dos cartoons em causa. Mais informações nos sites www.cartoonvirtualmuseum.org e www.museudaimprensa.pt.

Ficheiros em Anexo

CartoonCartoon1Cartoon2Cartoon3Cartoon4Cartoon5
Versão para Imprimir